Correio dos Campos

II Feira de Profissões lotou auditórios da ACIPG

31 de agosto de 2017 às 18:36

As dependências da Associação Comercial, Industrial e Empresarial de Ponta Grossa (ACIPG) ficaram lotadas de estudantes na tarde da quinta-feira (31). Os jovens participaram da II Feira de Profissões, uma promoção da ACIPG Estágios, Projeto Antares e Instituto Mundo Melhor (IMM).

Durante todo o evento, representantes das entidades de ensino de Ponta Grossa puderam falar aos alunos as vantagens e características de seus cursos, mostrando como os profissionais de cada área podem atuar em suas carreiras. De acordo com a coordenadora pedagógica do Instituto Mundo Melhor, Erica Cristina Lemes, conseguir reunir todas as instituições em um único espaço é uma oportunidade rara para esses jovens, que ganham a possibilidade de abrir o leque de opções de carreira profissional. “Na idade que eles estão, vislumbrar o que vão fazer é importante. É muito bom que eles possam olhar e já se ver na faculdade”, explicou.

Para o coordenador do curso de Jornalismo da Faculdade Secal, Helton Costa, a participação em um evento desse porte vai além de mostrar a instituição e a marca que representam. “É fundamental a nossa participação não só como uma forma de chegar até alunos, mas também para contribuir para que esses jovens possam ter contato com cada área e façam a escolha mais acertada para suas vidas profissionais”, declarou.

E o interesse da comunidade estudantil foi tamanho que alguns estudantes que participaram da feira já têm vaga garantida em um curso superior, mas ainda estão se dando ao direito de buscar outras opções. É o caso da estudante Inaiele Mendes da Luz, do curso Técnico em Química do Colégio Borell. Ela já passou no vestibular para Biologia na UEPG e foi até a feira para conhecer outras alternativas de carreira. “Quando a gente sai do ensino médio tem uma visão muito limitada das profissões. A feira ajuda a conhecer opções. E é importante porque muitos alunos não têm perspectiva de ir para a faculdade porque justamente não têm contato com as possibilidades”, ressaltou, lembrando que muitas instituições apresentam bolsas de estudo e formas diferentes de financiamento para viabilizar o sonho de cursar uma faculdade.

Ao todo mais de 400 alunos de escolas do município passaram pela feira que contou com participação de todas as instituições de ensino superior de Ponta Grossa, tanto públicas quanto privadas.